Aviso

USE O LINK ACIMA PARA CONTATO SOBRE EVENTUAIS ENFRENTAMENTOS DE FASES NEGATIVAS, TROCA DE EXPERIÊNCIAS, BUSCA DE REEQUILÍBRIO.

domingo, 27 de dezembro de 2009

O Amor...

O Amor é a essência do todo universal.

É o Amor que faz as gemações frutificarem mesmo na pedra, denunciando a natureza indômita com que a Vida se anuncia desde a rigidez mineral.

É o Amor que faz a luz curvar-se em reverência aos grandes astros que ele próprio sustenta no seio de sua infinita expansão.

É o Amor que embala a resignada lagarta, prisioneira de sua fealdade, ao aprimoramento das formas ante a magia que oculta em um casulo as asas prestes a adornar o ar ao bailado dos perfumes que a primavera doa.

É o Amor que transforma um momento de dor e sofrimento no aprendizado que edifica a Alma e resguarda o Espírito da liberdade, que nos teima em seduzir na ilusão do mero desejo.

É o Amor que nos bate forte à face, marcando-nos a frívola inocência com o rubor da corrupção desnudada, sempre que forjamos a mentira no orgulho com que esgrimimos nossas verdades.

É o Amor que nos lança ao solo com as mãos amarradas, evitando que marchemos à cegueira que nos conduz ao penhasco de nossas convicções embriagadas de personalismo.

É o Amor que nos traz a dor que mais fundo cala... aquela dor que nos faz atônitos ao percebermos que somos nós mesmos a causa vil de toda dor...

É o Amor!

Quem espera que o Amor seja uma textura de prazer na pétala suave de uma flor envolvendo-nos o egoísmo, chorará muito ainda... Chorará o pranto dos dentes que rangem no desespero daqueles que asfixiamos ao fumo de nossa chama de vaidade e ilusão.


Fonte:
http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=56931

3 comentários:

  1. Amigo Marco Aurélio, postei, ontem 8/01/2010, um longo comentário neste seu Blog, mas não consigo encontrá-lo. Será q errei ao fazer a postagem? Ou apenas não consegui encontrá-lo? Favor me informar se vc o encontrou.
    Um abraço.
    Coronel

    ResponderExcluir
  2. Amigo, o texto acima nos diz q "O amor é a essencia do todo universal", e pergunto: "Não é Deus a essencia do todo universal?". Pois Deus é tudo, está em tudo, infinito e eterno; e se é infinito nada pode existir, ser, no universo 'além' de Deus. Se houver qualquer coisa, por mais ínsignificante q seja, alem de Deus, este não será infinito; haverá Deus e essa outra coisa, não?

    ResponderExcluir
  3. Amigo Marco Aurélio, encontrei meus comentários. Obrigado.
    Coronel.

    ResponderExcluir

Somos livres em nossos pensamentos, opiniões, convicções. Seja bem-vindo! --- Obs.: tendo recebido comentários ofensivos sob o véu do anonimato, vi-me obrigado a não permitir mais mensagens sem identificação. Peço a compreensão dos amigos que aqui já postaram como anônimos antes, mas, infelizmente, nem todos têm senso de urbanidade e cidadania.